Projeto Vela Social, de Belém Novo, inicia captação de recursos

Após firmar convênio com o Ministério dos Esportes, via lei de incentivos federais, o Clube Náutico Belém Novo está apto a captar recurso para o Projeto Vela Social, que oferece oficinas gratuitas de vela a jovens e crianças da região. No projeto, são oferecidas oficinas com aprendizado técnico e tático sobre os barcos, regras, posicionamento, ângulos de vela, vento, equilíbrio e tudo mais que a disciplina de qualquer esporte exige, refletindo diretamente no rendimento escolar e na formação de valores e abordando, de forma teórica e prática, questões relacionadas à valorização e à preservação do meio ambiente.
A relevância e a responsabilidade social do projeto têm recebido destaque ao longo dos anos, como o reconhecimento da UNESCO, com a participação no Livro de 25 anos do Criança Esperança, além da participação na Expo Shangai, ambos em 2010. Um marco da atuação social do Clube Náutico Belém Novo, o projeto já atendeu mais de 900 crianças e adolescentes desde o ano 2000, mas vinha sendo mantido com ajuda de voluntários desde 2010.
Com a captação de recursos liberada, a partir da colaboração de empresas e pessoas físicas que queiram apoiar o Vela Social, deduzindo o valor da colaboração de seus impostos, serão comprados materiais para as aulas, incluindo boias, caiaques, lemes, transporte e lanches, durante dois anos, para os participantes: 120 crianças e jovens entre 8 e 18 anos, que serão selecionados junto às escolas da região e adjacências, com o bom aproveitamento escolar como critério.

Interessados em colaborar com o projeto podem entrar em contato com Roselia Araújo Viana através do e-mail [email protected], responsável pelos trâmites burocráticos, ou no próprio Clube Náutico Belém Novo, localizado na Rua Inspetor Adalberto de Souza Remião, 45, no bairro Belém Novo.