Posto Bm Ipanema

Redução do horário de posto da BM deixa comunidade em alerta

O fechamento do posto da Brigada Militar (BM) durante parte do dia pegou de surpresa os moradores de Ipanema e região. Sob alegação de que o efetivo estaria nas ruas utilizando as novas viaturas da BM, recebidas no dia anterior, o atendimento no local teve horário reduzido a partir de 27 de dezembro (data do lançamento desta edição), passando a ser realizado, temporariamente, à noite. Inicialmente, as autoridades policiais pretendiam retomar o atendimento 24 horas por dia no decorrer de janeiro, mas a decisão poderá ser revista.
A reação da comunidade foi imediata, manifestando-se contrária à alteração de horário, pois teme que a redução do horário se estenda por mais tempo, prejudicando o atendimento à população de Ipanema e dos bairros vizinhos. Também há o temor de que o posto volte a ser fechado, assim como aconteceu em 2016, o que é descartado pela BM.
A comunidade, no entanto, promete mobilização total pela manutenção do atendimento no posto policial nas 24 horas do dia. Representantes dos moradores solicitaram, imediatamente, reunião com Comando do Policiamento da Capital para tentar reverter a situação, já que o final de ano é considerado um dos períodos de maior necessidade de policiamento na região da orla.

Reativação do espaço foi garantida pela força da comunidade

Em novembro (há pouco mais de um mês), a comunidade do bairro Ipanema festejava a reativação do posto da Brigada Militar sediado na Rua Déa Coufal. O local estava praticamente sem uso há mais de um ano, por problemas no prédio, que teve de ser reformado. Como o poder público não contava com recursos para melhorias no telhado e em outras partes da construção, a comunidade se mobilizou e arrecadou cerca de R$ 6 mil, que foram destinados para as reformas necessárias. Moradores e empresários locais participaram da arrecadação, organizada pela Associação dos Moradores do Bairro Ipanema (AMBI) e, em cerca de 45 dias, os recursos e materiais necessários foram repassados à BM. As doações da comunidade também garantiram mais comodidade para os policiais militares em serviço (como forma de agradecimento à BM por voltar a ter uma presença mais efetiva no bairro), com a instalação de beliches, mesa, cadeiras, armários e eletrodomésticos.